Visita à Feira de Agricultura Familiar de MG

Como atividade pedagógica do Curso de Agroextrativismo e Cultura Popular, que faz parte do projeto da Amanu "Vivendo nos Cerrados Gerais" e ocorre no Centro Cultural Comunitário Pacífico Inácio, organizamos uma visita à Feira de Agricultura Familiar de Minas Gerais 2011. Além dos participantes do Curso, que reúne homens e mulheres, de crianças a idosos, participaram também os educandos da comunidade do Berto do MOVA-Brasil, que em Jaboticatubas é coordenado pela Amanu.

video
A Feira é uma iniciativa da FETAEMG. No Curso de Agroextrativismo e Cultura Popular estávamos fazendo algumas discussões relativas à importância da Agricultura Familiar e as possibilidades de geração de renda a partir de seus produtos, inclusive os produtos do cerrado. Nada melhor do que ver de perto!

Para ser usada como atividade pedagógica, a visita foi organizada com antecedência, com uma visita no dia anterior, onde pudemos ver o perfil da Feira e dos feirantes e elaborar algumas questões para serem debatidas e sistematizadas pelos participantes do curso. Esse instrumento incentiva os participantes a adotar uma postura receptiva para conhecer as experiências, observar com detalhes: ver, ouvir, perguntar, promovendo o intercâmbio entre suas experiências. O registro escrito favorece que as percepções sejam sistematizadas e possam ser compartilhadas com a comunidade e outras pessoas que não puderam estar na visita, além de servir também como instrumento de avaliação pelos oficineiros. Através dos registros, pudemos perceber a importância dessa atividade e também avaliar se alguns conceitos discutidos no Curso estão ou não ficando claros. Veja que interessantes as conclusões e percepções dos agricultores sobre a Feira!

Agradecemos, em nome da Amanu e das comunidades do Berto e do Espada, aos Amigos do Centro Cultural, à Linhares e à FETAEMG por nos apoiar na realização dessa visita!

Um comentário:

MOVA - Brasil Desenvolvimento e Cidadania disse...

Nunca ouvi falar em pipoca de polvilho e minjolo e queria muito a receita do mingau de banana. Já a Viviane (entrevistada, que é educadora do MOVA - Norte de Minas) eu conheço muito bem e já experimentei uns biscoitinhos e um bolo de milho lá na casa dela em Bocaiúva (rs!). Poxa, gente! esse relato além de interessante e importante dá uma fome na gente!!!
Andréia Sol